Blog do Marcel Rizzo

Arquivo : Caixa; Flamengo; Corinthias; Santos; Botafogo

Caixa expande seu patrocínio no futebol a federações estaduais nanicas
Comentários Comente

Marcel Rizzo

O patrocínio da Caixa Econômica Federal ao futebol tem prioridade aos clubes das Séries A e B do Brasileiro, mas o banco decidiu expandir o apoio a federações estaduais de menor porte.

Pelo menos três campeonatos estaduais ganharam o patrocínio da Caixa em 2017: Sergipe, Paraíba e Piauí. São Estados que têm clubes nas Séries C e D do Nacional, ou seja, equipes que não receberão aporte de patrocínios diretos do banco. Os valores, num primeiro momento, devem servir de apoio aos times nas participações estaduais.

O Campeonato Paraibano, que já está nas semifinais, receberá R$ 475 mil da Caixa, sempre com pagamento feito à federação local, que organiza a competição. O Campeonato Sergipano, que já tem a final definida entre Confiança e Itabaiana, teve um aporte maior, de R$ 800 mil, mas porque o contrato foi fechado antes (em fevereiro, contra abril da Paraíba).

No caso do Campeonato Piauiense, o blog não teve acesso ao valor, mas estima-se ser do mesmo porte pago ao de Sergipe. Houve negociação também com o Maranhão, mas o acerto não foi confirmado.

A Caixa tem acordo, até o momento, com ao menos 18 clubes das Séries A e B do Brasileiro para 2017, em contratos que variam de R$ 2,8 milhões aos R$ 30 milhões, com bonificação, do Flamengo, e ultrapassam os R$ 100 milhões no total. O contrato com o Corinthians acabou semana passada, e não foi renovado.


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>