Topo
Blog do Marcel Rizzo

Blog do Marcel Rizzo

Categorias

Histórico

Sem TV, Atlético-MG x Palmeiras custaria R$ 2 milhões por transmissão solo

Marcel Rizzo

2006-05-20T19:11:30

06/05/2019 11h30

Presidente do Palmeiras, Mauricio Galiotte, que ainda negocia com a Globo direitos de TV para 2019 (Crédito: Ale Cabral/AGIF)

No próximo domingo (12), Atlético-MG e Palmeiras fazem o jogo mais importante da rodada na disputa pela liderança do Brasileiro neste momento. E, por enquanto, a partida entra na cota daquelas sem qualquer transmissão  já que o time paulista ainda não se acertou com a Globo para TV aberta e pay-per-view e na fechada tem contrato com a Turner — os mineiros fecharam o pacote completo com a Globo, portanto pela legislação o encontro não pode passar ao vivo por nenhuma plataforma.

Poderia, entretanto, haver um acordo entre Palmeiras e Globo somente para essa partida, como já mostrou a coluna De Primeira. Valeria para TV aberta e, segundo apurou o blog, não custaria para a emissora menos do que R$ 2 milhões. Como estamos apenas na quarta rodada da competição, a avaliação geral é que acordos para partidas únicas só devem ocorrer mais ao final do campeonato, caso o clube e a Globo não se acertem até lá. Por enquanto as negociações continuam pelo pacote de todo o campeonato e, claro, podem ter um desfecho positivo essa semana.

LEIA MAIS:

Com risco de não ter transmissão, Atlético-MG e Palmeiras será no Mineirão

Palmeiras terá dois jogos a menos para a cidade de São Paulo via TNT

Quer assistir ao Palmeiras no Brasileiro? Assine o EI Plus no UOL Esporte Clube

O blog do jornalista Rodrigo Mattos mostrou que o acordo entre Globo e Athletico-PR para TV aberta, o último a ser fechado dias antes do início do Brasileirão, em abril, prevê pagamento de R$ 1,2 milhão por partida transmitida por essa plataforma, com o bônus de que possa também passar no site da emissora. Foi o que ocorreu no confronto entre Fortaleza e Athletico, quarta passada (1), que também pôde ser transmitido pela TNT (canal da Turner) em TV fechada, já que os dois times assinaram com a empresa americana. A Globo, entretanto, colocou a partida em TV aberta para o Paraná e o Ceará e também pôde transmitir via internet para o restante do país.

Nem Globo e nem Palmeiras acham interessante, nesse momento, fecharem jogos pontuais, mesmo no caso do interessante confronto de domingo. Num primeiro momento o acordo só valeria para a aberta, portanto torcedores de várias cidades continuariam sem ver a partida pelo pay-per-view — a negociação para essa plataforma é mais complexa porque envolve termos de audiência e por isso que tanto Palmeiras como o Athletico ainda não fecharam.

A possibilidade de não ter transmissão fez o Atlético-MG mudar a partida do Independência para o Mineirão, que pode receber maior público. Os jogos do Palmeiras, neste momento, continuam exclusivos da TNT, que tem direito às 12 partidas contra os outros seis times que fecharam com a Turner e estão na Série A em 2019.  Os jogos também passam pelo EI Plus, que você pode adquirir assinando os planos do UOL Esporte Clube, sem precisar ser assinante da TV a cabo.

Sobre o Autor

Marcel Rizzo - Formado em jornalismo em 2000 pela PUC Campinas, passou pelas redações do Lance!, Globoesporte.com, Jornal da Tarde, Portal iG e Folha de S. Paulo, no qual editou a coluna Painel FC. Cobriu Copas do Mundo, Olimpíada e dezenas de outros eventos esportivos.

Sobre o Blog

Notícias dos bastidores do esporte, mas também perfis, entrevistas e personagens com histórias a contar.

Mais Blog do Marcel Rizzo