Topo
Blog do Marcel Rizzo

Blog do Marcel Rizzo

Categorias

Histórico

Globo aposta em audiência recorde com Flamengo x Inter para todo o Brasil

Marcel Rizzo

21/08/2019 04h00

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) quer que seu principal torneio de clubes, a Libertadores, não tenha concorrência em transmissões com competições locais, principalmente em jogos decisivos. Os novos contratos fechados a partir de 2019 para o Brasil sugerem que alguns confrontos sejam transmitidos nacionalmente e é o que a Globo fará novamente nesta quarta (21), com Flamengo x Internacional, pelas quartas-de-final (21h30), no Maracanã. Há expectativa da quebra de recorde de audiência.

No dia 31 de julho, o Flamengo bateu o Emelec (EQU) nos pênaltis, pelas oitavas de final, em jogo transmitido nacionalmente. No Rio alcançou 43 pontos em média, maior audiência em jogo da Libertadores desde 2008, na final entre Fluminense x LDU, que chegou a 47 pontos de média — a expectativa é que o confronto desta noite no Maracanã possa bater esses 47 pontos. Os 43 do fim de julho foram a segunda maior audiência da Globo no ano, perdendo apenas para os 45 da semifinal da Copa América entre Brasil x Argentina, em julho.

LEIA MAIS:

São Paulo deve ter seu primeiro jogo sem transmissão na TV. 'Culpa' do Flamengo

Globo deixará de passar novela para transmitir semifinal da Copa do Brasil

Entenda por que alguns jogos continuam sem transmissão no Brasileiro

A Conmebol já solicitou a seus filiados, apurou o blog, que evitem marcar jogos de competições locais em dias de jogos da Libertadores. No Brasil, por calendário, há confrontos da Copa do Brasil, principalmente no começo do ano, que acabam coincidindo datas. No Brasileiro haverá uma exceção, e por "culpa" da Conmebol, por isso não deve haver reclamação: nesta quarta (21), Athletico-PR x São Paulo se enfrentam em partida atrasada da 13ª rodada porque os paranaenses viajaram ao Japão para disputar torneio representando a Conmebol. O horário, 19h15, não bate com Flamengo x Inter e por força de contrato não terá transmissão por qualquer plataforma.

A confederação sul-americana acertou com a IMG e a Perform, empresas que criaram a Diez Media FC para negociar novos contratos comerciais da Conmebol, entre eles os de transmissão de competições e os acordos diversificaram as plataformas. Para o Brasil a Globo ganhou para TV aberta, mas com direito a apenas uma partida por rodada. Nesta quartas de final da Libertadores a emissora não poderá transmitir Grêmio x Palmeiras, o outro confronto entre brasileiros e que anos atrás estaria certamente na grade de quarta-feira, às 21h30. Fox e SporTV dividiram os direitos em TV fechada e o Facebook ganhou exclusividade às quintas-feiras.

Sem concorrência

O contrato de direitos de transmissão impede a Globo de passar a partida entre Athletico-PR x São Paulo, nesta quarta-feira (21), por qualquer plataforma. O jogo, atrasado da 13ª rodada do Brasileiro, será no "escuro", ou seja, sem qualquer transmissão, seja em TVs aberta e fechada, pay-per-view ou internet. Para ver ao vivo, somente no estádio.

Contratualmente, a Globo pode exibir até três jogos por rodada na TV aberta e ou no Globoesporte.com. Athletico-PR x São Paulo é uma partida da 13ª rodada, da qual a Globo já exibiu Vasco x CSA, Atlético MG x Cruzeiro e Corinthians x Palmeiras. Não havia, portanto, como pedir para mudar para as 21h30, horário tradicional das transmissões de meio de semana, ou liberar as imagens por meio do Globoesporte.com, como ocorreu em outros jogos nesta temporada. A informação foi confirmada pela assessoria da emissora.

O blog antecipou na sexta-feira (16) que a Globo tinha intenção de transmitir para todo o Brasil Flamengo x Internacional. Sem TV aberta para Athletico x São Paulo se levantou a dúvida, inclusive por torcedores, de o motivo da partida não ser transmitida ao menos pelo Globoesporte.com. O limite de jogos por rodada explica.

O Athletico é o único dos 20 times da Série A que não fechou com o Grupo Globo para ter seus jogos transmitidos pelo Premiere (pay-per-view) em 2019. O clube paranaense tem dois acordos, com a Globo para TV aberta e com a Turner para fechada (pelo canal TNT). Como o São Paulo tem contrato em TV fechada com o SporTV, do Grupo Globo, por lei a partida na Arena da Baixada não pode passar nessa plataforma (só se transmite encontros em que os dois times tenham acordos com a mesma empresa).

Athletico x São Paulo teria televisionamento em TV aberta na data original, dia 4 de agosto, às 16h, mas a CBF precisou adiar o jogo porque o Athletico viajou ao Japão por compromisso de campeão da Copa Sul-Americana-2018 contra rival japonês. O adiamento fez com que a partida saísse da grade da Globo e ficasse "no escuro", termo usado no meio televisivo para se referir a jogos sem qualquer transmissão – no dia 4 a Globo até "ousou" e mudou a rodada para as 19h, nada usual para domingos, com Corinthians x Palmeiras, Atlético-MG x Cruzeiro e Vasco x CSA.

Sobre o Autor

Marcel Rizzo - Formado em jornalismo em 2000 pela PUC Campinas, passou pelas redações do Lance!, Globoesporte.com, Jornal da Tarde, Portal iG e Folha de S. Paulo, no qual editou a coluna Painel FC. Cobriu Copas do Mundo, Olimpíada e dezenas de outros eventos esportivos.

Sobre o Blog

Notícias dos bastidores do esporte, mas também perfis, entrevistas e personagens com histórias a contar.

Mais Blog do Marcel Rizzo