Topo
Blog do Marcel Rizzo

Blog do Marcel Rizzo

Categorias

Histórico

Finalistas da Libertadores podem ter 10 mil ingressos para seus torcedores

Marcel Rizzo

22/08/2019 04h00

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) reservou dois setores no Estádio Nacional de Santiago, no Chile, para os torcedores dos clubes finalistas da Libertadores que totalizam cerca de 30 mil lugares, mas não deverá ser esse o número disponibilizado de ingressos aos times que chegarem à decisão em 23 de novembro. Um brasileiro, entre Grêmio, Flamengo, Inter e Palmeiras, estará lá.

A capacidade nas galerias norte e sul é de 15 mil espectadores cada, mas haverá bloqueio de assentos, algo comum em eventos como a final única da Libertadores devido à demanda de patrocinadores e setores de hospitalidade, como áreas VIP e camarotes. A entidade não divulgou a capacidade total de ingressos que colocará à venda, apenas preços e como comprar. As galerias ficam atrás dos gols e, normalmente, recebem torcedores organizados e sócios de clubes tradicionais de Santiago quando jogam por lá, como a Universidad de Chile. Cada finalista ficará com um setor.

O blog apurou que o número de entradas que será enviado aos clubes deve ser de no máximo 10 mil para cada finalista, 20 mil no total, algo que representará quase 50% da capacidade do Estádio Nacional para a finalíssima. Isso até supera as expectativas das confederações filiadas, que esperavam no máximo 30%.  Será a primeira final única da Libertadores, uma aposta da Conmebol para tentar tornar a competição mais rentável comercialmente.

LEIA MAIS:

Conmebol anuncia preços e como comprar ingressos da final única da Libertadores

Copa América pode ajudar Maracanã a receber a final da Libertadores em 2020

Mesmo criticada, final única da Libertadores está garantida ao menos até 2022

Os ingressos que serão enviados aos clubes finalistas são os mais baratos segundo o cronograma divulgado pela Conmebol: custarão US$ 80, cerca de R$ 320 em cotação atual. A venda, porém, só começará em 25 de outubro, quando se definirem, claro, quais clubes estarão em Santiago. Os bilhetes das categorias acima, em posição centralizada com relação ao campo, variam de US$ 100 (R$ 400) a US$ 250 (R$ 1 mil).

A entidade já está fazendo um cadastro dos interessados e as pré-vendas começam dia 30 de agosto, mas apenas aqueles que tiveram cartão Mastercard, que patrocina o torneio, emitido por um banco chileno. Os cadastrados que não têm esse cartão começam a comprar em 7 de setembro e a venda geral inicia em 14 de setembro. Quatro mil desses ingressos estarão reservados a residentes no Chile.

Quatro brasileiros continuam na disputa e se "matarão" até a final — o vencedor de Grêmio e Palmeiras enfrenta na semifinal quem passar de Flamengo e Inter. Do outro lado da chave, o River Plate (ARG), atual campeão, encara o Cerro Porteño (PAR) e o Boca Juniors enfrenta a LDU (EQU).

Sobre o Autor

Marcel Rizzo - Formado em jornalismo em 2000 pela PUC Campinas, passou pelas redações do Lance!, Globoesporte.com, Jornal da Tarde, Portal iG e Folha de S. Paulo, no qual editou a coluna Painel FC. Cobriu Copas do Mundo, Olimpíada e dezenas de outros eventos esportivos.

Sobre o Blog

Notícias dos bastidores do esporte, mas também perfis, entrevistas e personagens com histórias a contar.

Mais Blog do Marcel Rizzo